Notícias e Artigos

23/05/2012 15:37

Analise biomecanica do quadril e do joelho

O objetivo desse estudo foi determinar a amplitude de movimento, o momento de força, a potência e o trabalho das articulações do quadril e joelho durante a marcha em um grupo de participantes entre 55 e 75 anos de idade. O andar é uma atividade diária comum e normalmente prescrita como exercício terapêutico na reabilitação de pessoas idosas. Dados cinemáticos e cinéticos das articulações do quadril e joelho foram obtidos usando o sistema Optotrak, associado a uma plataforma de força, raio-X padronizado para determinar com acurácia o centro de rotação das articulações do joelho e quadril e dados antropométricos. A articulação do quadril gerou mais trabalho que o joelho durante a marcha. O quadril gerou um total de 0.40J/kg, sendo que 22% ocorreram no plano frontal, 76% no sagital e 2% no plano transverso. A articulação do joelho gerou um trabalho total de 0,30J/kg durante a marcha, sendo 7% no plano frontal, 90% no sagital e 3% no transverso. O estudo biomecânico das articulações durante diferentes atividades leva a uma maior compreensão do papel de cada articulação durante o movimento, contribuindo assim para a elaboração de melhores programas físicos de reabilitação, prevenção e treinamento de performance.

Para saber mais clique no link abaixo.

analise_biomecanica_do_quadril_e_do_joelho.pdf